Feeds:
Posts
Comentários

Domingos da Quaresma (III)

Terceiro Domingo da Quaresma: Cristo é água para a nossa sede!


Terceiro domingo da Quaresma temos em mente e cremos no que o Pai nos diz que a vida é plena para todos. Aprendamos pela Eucaristia que o alimento, não deve ser negado a ninguém, sabemos que o próprio Jesus partilhou seu corpo e seu sangue. Ele nos orienta por sua palavra e nos concede a fortaleza do Espírito Santo.

O evangelho (Jo 4,5-15,19b-26. 39 a.40-42) nos descreve uma mulher da Samaria que tem sede de vida. Jesus não faz descriminações sociais, pelo fato de ser uma Mulher Samaritana, sabendo que os Judeus não se dão com os Samaritanos, pois todos são convidados a beber da água viva. Ela como qualquer outra pessoa tem a sede de vida, mas encontram somente águas paradas que nunca irão cessar sua sede. Jesus a convida para  beber da água que ela nunca mais irá ter sede,pois Jesus lhe oferece a água viva que brota dentro de  cada um de nós.Jesus é a fonte de água viva.

A primeira leitura (Ex 17 3-7) nos relata as dificuldades do povo, guiado por Moisés quando saíam do Egito, eles sentiam sede estavam sedentos, com o que fez eles terem dúvidas, se  Deus estava lhes  acompanhado no caminho para a vida .O mesmo bastão que provou ser Moisés o enviado de Deus,tornou-se agora instrumento de vida,ao ferir a pedra,dela saiu água para o povo beber.Moisés deu o nome daquele lugar de “Massa” que significa tentação,provação,e “Meriba”que significa discussão,esses nomes devido,ao ato de tentar  Deus dizendo as seguintes palavras :”Javé está no meio de nós ou não?”

A segunda leitura (RM 5,1-2.5-8) nos relata a fé, a paz com Deus, por isso começa a viver a esperança da salvação. Toda essa esperança é ligada na certeza garantida pelo Espírito Santo que nos foi dado. Deus nos mostrou todo seu amor em Jesus Cristo, que morreu por nós, para a nossa salvação, por isso podemos crer que seremos salvos pela Vida-Ressurreição.

O Salmo (94) relata o louvor, do Deus vivo que criou a humanidade, ele é o soberano do universo, ele é o pastor que conduz o seu rebanho. Ele nos deu a terra para nosso usufruto, porém isso depende de nossa fidelidade diante de seu amor perante nossas vidas.

 

Anúncios

Domingos da Quaresma (II)

Segundo Domingo da Quaresma: Viver a fé com disposição de correr riscos!


Segundo domingo da Quaresma, em nosso preparo a caminho da Páscoa, nos entregamos confiantes aos chamados de Deus, sem medo e sem restrições, subamos a montanha com Jesus para fazermos a experiência da intimidade com o senhor.

A primeira leitura (GN 12,1-4 a) nos mostra a história de Abraão, que ouviu o chamado de Deus e foi capaz de deixar tudo partindo para a terra que lhe foi prometida. E essa história está totalmente ligada, a história de toda humanidade e então começa surgir a missão do povo,de trazer a benção de Deus para as nações da terra,o seu projeto, e quem orientar por esse projeto estará fazendo o homem a imagem e semelhança de Deus,e esse caminho começa pela fé.

A segunda leitura (2TM 1,8b-10) nos mostra Paulo encorajando seu companheiro Timóteo. Paulo preso e prestes a enfrentar o martírio não desistiu de sua missão, e mostrou a seu companheiro sua solidariedade na missão. O Espírito garante discernimento que faz compreender o núcleo fundamental da fé, isto é o testemunho de Jesus Cristo.

O evangelho (MT 17,1-9) nos mostra a transfiguração de Jesus diante de Pedro, Tiago e João, seu rosto brilhou como o sol e suas roupas ficaram brancas como a luz, a transfiguração é sinal de Ressurreição. A voz de Deus mostra que Jesus era a única autoridade, e os que seguem a Jesus ouvem o convite de Deus ao seu projeto de salvação.

O salmo (32) descreve aqueles que confiam em sua palavra que é reta, que realiza a verdade a justiça e o amor. Daqueles que os esperam e confiam em seu auxilio e proteção.

 

Domingos da Quaresma

Primeiro domingo da Quaresma: Em cristo seremos vencedores do mal!

 

Quaresma: quarenta dias e noites que Jesus foi conduzido pelo Espírito para o deserto para ser tentado pelo diabo. Depois dos quarenta dias em jejum, o tentador fez propostas a Jesus, ”Se és filho de Deus, manda que estas pedras se transformem em pães” (Mt4, 3),”Se tu és filho de Deus,joga-te para baixo…e Deus ordenará as os seus anjos a teu respeito…”(Mt4,6),Mostrou todos os reinos do mundo e suas riquezas e lhe disse:”Eu lhe darei tudo isso se te ajoelhares diante de mim,para me adorar”(Mt4,8-9).Jesus recusou tudo,foi forte e fiel ,aceitar essas propostas seria usufruir das realidades da criação visando o lucro.

A campanha da Fraternidade: ”Vida e Fraternidade”, ”A criação geme em dores de parto”, faz uma junção com o evangelho que é tentação de Jesus no deserto (MT 4,1-11). “A primeira leitura o pecado de Adão e Eva (GN 2,7-9; 3,1-7) o pecado do princípio, cometido pelo homem e pela mulher, é um pecado atual e que se atualiza, ou seja, a contrariedade em não fazer a vontade de Deus, a Campanha da Fraternidade” A criação geme em dores de parto”, dores de destruição do nosso planeta, do nosso meio ambiente o ato de contrariedade da vontade de Deus. A nossa população tem o desejo e o anseio de dominação, causando destruição e morte, assim podemos relatar que esse pecado do princípio diz que os homens e mulheres quiseram assumir vantagens divinas  pela força,dominar o mundo.

A segunda leitura (Rm5, 12-19) em referência a primeira leitura refere-se à origem do pecado e da morte no mundo. Contrapõe o velho e o novo, ou seja, Adão e Cristo.

  • Adão mergulha a humanidade no pecado e a caminho da morte.
  • Cristo nos leva e representa no reino de Deus da graça e no caminho da vida eterna. O novo Adão-Cristo com sua graça salvadora que brota da obediência é mais abundante que o pecado do primeiro Adão.
  • O salmo 50(51) constitui-se numa confissão tanto individual, quanto comunitária.

 

OBRA NOVA

Material Padre Jaime

Desculpe a demora, sobre o material do Padre Jaime.

O CATEQUISTA E O REINO DE DEUS

O SENHOR É REI

CAMISETA SETOR (BREVE)